segunda-feira, 21 de março de 2016

Isso não é frescura




- Ricardo.
- Sim...
- Eu estava pensando sobre a gente.
- Como assim?
- Bem, estamos a mais de cinco meses juntos, não é?
- Sim, é isso mesmo. Por quê?
- Ah, nada. Estava apenas pensando se não seria a hora de você me apresentar aos seus pais.
- Nem pensar!
- Por quê?
- Isso é muito careta, Lulu.
- Não tem nada a ver. É careta para você, para mim não tem nada disso.

- Hoje em dia um namorado não precisa mais apresentar a namorada a seus pais, assim como ela não tem mais a obrigação de apresentar seu companheiro a seus pais. Estamos no século XX, esqueceu?!
- Estamos no século XXI, Ricardo.
- Melhor ainda, é um século a mais na modernidade!
- Quer dizer que não serei apresentada a seus pais, é isso mesmo que eu posso tirar de tudo dito por você?
- Exatamente.
- Nunca mesmo?
- Nunca mesmo.
- Que bom, isso vai ser bom não somente para você mas para mim também.
- Como assim, do que diabo você está falando, Lulu!??!?!
- Quero terminar com você.
- Como é que é?
- Não quero mais ser sua namorada, Ricardo.
- Só por causa dessa frescura?
- Não é frescura. É compromisso. Quero ter algo sério com você. Quero namorar um rapaz com planos e objetivos, coisas que você acabou de me provar que não têm.
- Está bem, está bem.
- Está bem o quê?
- Vou te levar para jantar lá em casa.
- Ai! Eu não acredito nisso! É sério mesmo?
- Sim, vou conversar sobre isso com a minha mãe, quando chegar lá.
- Não quero te obrigar a fazer algo que tu não queira executar, amor.
- Anda, deixa de frescura. É melhor sairmos daqui e, cada qual, ir para sua casa. Quero te ver muito bem arrumada e mais linda do que você é.
- Está bem.
- Está ótimo, Lulu.
- Mais uma coisa.
- O que foi dessa vez?
- Você não me pediu em namoro. Não vai ficar bem eu ser apresentada a seus pais como uma garota que você anda pegando por aí.
- Ai, meu Deus! Lulu, minha querida, minha perdição, você quer ser a minha namorada!?
- SIM!
- Pois eu nos declaro namorado e namorada. Que sejamos felizes para sempre. É hora de beijar a namorada!
E Ricardo beija a sua namorada. É o primeiro beijo deles, como um verdadeiro casal que tem um compromisso. Ficaram nessa pegação até o momento em que tiveram de ir para suas casas, pois havia um jantar para participarem mais tarde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger